“Busca Acelerada de Emprego – Mais um Recurso à Disposição dos Membros da Igreja na Busca pela Autossuficiência”

Daniel de Souza estava desempregado já há 3 meses. Esta situação o deixava preocupado e muitas vezes angustiado, especialmente quando se recordava de suas responsabilidades de provedor do lar. Com o passar das semanas, ele começou a perder as esperanças e já não tinha mais uma rotina de busca de emprego. Ficava em casa e as perspectivas não lhe pareciam muito boas. Daniel é um portador do sacerdócio e membro da Ala Vilar dos Teles, Estaca Nova Iguaçu. Em uma conversa, o seu presidente de estaca, ciente da situação de desemprego do Daniel, convidou-o a ir ao Centro de Autossuficiência e participar da BAE, ou Busca Acelerada de Emprego.

Este programa foi recentemente iniciado aqui no Brasil e é oferecido nos Centros de Autossuficiência (CA) espalhados pelo país. O irmão Pierre Delvaux, gerente do CA no Rio de Janeiro explicou que a BAE é um programa intensivo de busca por emprego que procura diminuir drasticamente o tempo em que o participante fica desempregado, maximizando todos os seus esforços na procura de um emprego.

O irmão Delvaux acrescentou que os participantes do programa implementam uma estratégia agressiva para identificar e contatar recursos e devem se reunir diariamente como grupo para planejar e estabelecer metas, receber treinamentos em habilidades profissionais, e têm a obrigação de voltar e relatar.

A BAE foi elaborada para ajudar aos membros da Igreja a evitar os riscos financeiros, emocionais e espirituais de um desemprego prolongado.

O objetivo principal do programa Busca Acelerada de Emprego é diminuir o tempo do desemprego e ajudar os membros a manter a fé, esperança, autoconfiança e autoestima.

Foi exatamente isso que aconteceu com o irmão Daniel de Souza. Ele aceitou o convite de seu presidente de estaca e foi diariamente ao Centro de Autossuficiência para participar da BAE. Para sua surpresa, com apenas 3 dias praticando as técnicas ensinadas na BAE, ele conseguiu um emprego como subgerente e está muito feliz.

Ao iniciar a BAE, Daniel reavaliou a sua postura  e entendeu a importância da rotina de busca de emprego e realização de contatos diários.

O irmão Souza salientou que foi muito importante a revisão de seu currículo realizada no Centro de Autossuficiência, bem como as práticas do comercial de 30 segundos e declarações de poder praticadas na BAE.

“Foi através do comercial de 30 segundos e minhas declarações de poder que consegui passar pelas 4 etapas do processo seletivo  e chegar na entrevista final que durou uma hora com o diretor comercial da empresa.”

Para maiores informações sobre a Busca Acelerada de Emprego, entre em contato com o Centro de Autossuficiência de sua região ou o Especialista de Emprego de sua estaca.

 BAE artigo

Foto: Grupo da Busca Acelerada de Emprego no Centro de Autossuficiência no Rio de Janeiro, com a presença dos irmãos Paulo Araujo – gerente de Autossuficiência do Brasil – e Joseph Doria – gerente de operações.

 Daniel de Souza é o quarto da esquerda para a direita e Pierre Delvaux é o oitavo.

Sobre autossuficienciabrasil

Destinado a troca de know-how entre os Especialistas de Autossuficiência de Alas e Estacas
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.